sábado, 6 de janeiro de 2018

TCU Aponta Irregularidades de R$ 6 Milhões na Gestão da Base de Alcântara

Olá leitor!

O Blog do Jornalista Lauro Jardim do site do Jornal O Globo publicou dia (04/01) um noticia informando que o Tribunal de Contas da União (TCU) deu 15 dias para que o Instituto Superior de Administração e Economia (ISEA), contratado pela nossa Agência Espacial de Brinquedo (AEB) para auxiliar na gestão da Base de Alcântara, no Maranhão, explique irregularidades que somam um desfalque de R$ 6 milhões.

Base de Alcântara

Sendo assim, você leitor que tem acesso ao site do Jornal o Globo pode acessar esta curiosa (mas nada surpreendente) notícia pelo link: http://blogs.oglobo.globo.com/lauro-jardim/post/tcu-aponta-irregularidades-de-r-6-milhoes-na-gestao-da-base-de-alcantara.html.

Note leitor que o Blog BRAZILIAN SPACE vem defendendo há tempos a necessidade de se investigar a gestão desastrosa do Sr. Braga Coelho junto a esta Agencia Espacial de Brinquedo (AEB). Se investigar com seriedade vai feder.

Duda Falcão

3 comentários:

  1. Por isso o foguetinho aí da foto nunca voou depois do acidente de 2003, os parasitas estatais estavam mais preocupados em ROUBAR do que em trabalhar.

    Praga maldita!

    ResponderExcluir
  2. O estrago feito pelos parasitas e 5ª colunas é pior que uma invasão.Eles precisam ser identificados,denunciados e obrigados a devolver o que roubaram.No entanto,caro Rodrigo não é só no estado que há vermes a Odebecht é apenas um exemplo disso.

    ResponderExcluir
  3. "COMUNIDADE CIENTÍFICA PACATA, ABSTRATA- FAVORECE CORRUPTOS PORCOS & IMUNDOS "

    Vedes tu, celebres cientistas deste Brasil, terra de piratas. Atenção ! pesquisadores amadores brasileiros , a natureza do (des)concerto, como dizia um famoso escritor: - ".......... fiada em tua tibieza, a nata da canalhice tupiniquim paulatinamente recompõe a bocarra sedenta à farta teta do Estado, pouco importando o colarinho branco respingado ". Não é poesia. É desgraça! Porque quando fraco é a comunidade de cientistas de renome brasileiros, sua serventia resume-se à ceva de porcos imundos. Fraqueza, covardia, cagaço, inação intelectual, preguiça. O Blog Brazilian Space, sempre se expressou: - " O problema reside no amago da sociedade".
    O país está no limite da EXAUSTÃO. Uma espécie de METÁSTASE vadia da Corrupção, impregnada em todas células do governo. O Programa Espacial de Brinquedo, que só acumulou " BUM!!!!! É a tal “sofrência” a justificar uma espécie de esculhambação, cheios de esperança disfarçada.
    Alguns dos ilustres pesquisadores que até aqui chegaram,devem estar, subindo ás paredes, fingindo estupefação com a rudeza destas linhas da VERDADE, que eu estou expressando. É compreensível!!! Não viveríamos tão “alegres” no porão do abstrato, abaixo do fundo poço, atras do hermianos argentinos que estão, cheios de surpresas.
    Contraporca ao possível assombro de alguns, se não tomarmos uma atitude de salvação do PEB, a PULSÃO DE MORTE é inevitável. Estou com as mãos amarradas, sem esboçar qualquer reação, o que devo fazer para salvar o PEB! Fico pensando inúmeras reações, pouco democráticas, mais em fim, não será uma boa saída. O que fazer realmente!!! Alguém tem uma solução? Submeto ao crivo de julgamento das feras catedráticas. Observo atentamente no berço esplêndido, os mais recentes e notórios deboches institucionais, propositalmente paridos nesta época do ano, disfarçados pela música alta entre o réveillon e o carnaval, que se está chegando,no intuito de anestesiar todos, menos eu!!
    Depois ao longo do ano, as reincidência, do dia á dia da maioria dos sonhadores brasileiros, voltar ao samba...ao futebol,..as novelas da globo. Mas, quando o tamborim silenciar e o ano realmente começar — faz-nos parecer um país riquíssimo, que pode viver em festa... “alegres” festeiros, vivendo de ilusões! Acorda abestados, e o futuro da próxima geração, inicia-se aonde? lembre-se de voltar à ceva dos teus pares e a realidade perversa dos corruptos, que não estão nem aí, com o futuro espacial do Brasil.
    No entanto, aos que estas duras linhas fazem sentido — ou algum sentido —, cumpre conclamar: é chegada a hora de coordenarmos um levante, unidos com os ícones científicos do Brasil. Não se trata de esperar eleições, fazer abaixo-assinados, tuitaços ou qualquer outra brejeirice nas redes sociais. É tempo de ir às ruas, de marchar rumo aos palácios de Brasília e sitiar esses falsos políticos, pilantras de meia-pataca. Precisamos ser verdadeiramente fortes e, sobretudo, ter coragem. Custe-nos lágrimas. Custe-nos dor. Custe-nos sangue.
    Outro comentário, lido e copiado por mim,procedente de uma revista exemplar, que diz: - " Foi Camões, ao final da 138ª estrofe do Canto III de Os Lusíadas, quem sacramentou: “Que um fraco rei faz fraca a forte gente”. E aqui cumpre reiterar: um Povo fraco ceva porcos imundos. Sejamos, pois, a fortaleza do nosso tempo. Sejamos fortes. Avante e em marcha!"...

    ResponderExcluir